Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

No comando: FLASH BACK TOTAL

Das 12:00 as 12:59

No comando: AMADO BATISTA

Das 6:00 as 7:00

No comando: GOSPEL HITS

Das 7:00 as 7:59

No comando: MUNDO SERTANEJO

Das 7:00 as 7:59

No comando: SÁBADO ALEGRE

Das 8:00 as 10:59

Val
No comando: Show 104

Das 08:00 as 11:00

No comando: Cristo é a Solução

Das 11:00 as 12:00

No comando: 104 MPB

Das 12:00 as 12:59

No comando: VOZ EVANGÉLICA – IGREJA DE CRISTO

Das 13:00 as 13:59

No comando: A VOZ DA PROFECIA

Das 13:00 as 13:59

No comando: CRISTO É A SOLUÇÃO – ASSEMBLÉIA DE DEUS

Das 13:00 as 13:59

No comando: BREGA: FUSCÃO PRETO

Das 13:00 as 14:30

1238235_336843019784982_2097465645_n
No comando: Tarde Popular

Das 14:00 as 16:00

No comando: MUSICAL VARIADO

Das 14:30 as 15:59

No comando: ESPECIAL 104,9

Das 16:00 as 16:59

No comando: PRESSÃO FORROZEIRA

Das 16:00 as 17:59

No comando: AS 30 MAIS DA PROGRAMAÇÃO

Das 18:00 as 19:00

No comando: A VOZ DO BRASIL

Das 19:00 as 20:00

Inclusão de pessoas em grupos de WhatsApp pode virar caso de Justiça

Compartilhe:
logowhatsapp-e1514310587132

Você alguma vez já se sentiu constrangido ao ser incluído em um grupo de WhatsApp, sem consentimento prévio? Já saiu de comunidades online e na sequência foi adicionado novamente sem que quisesse? Pois é, em breve, esse tipo de atitude pode ser proibida pela legislação brasileira.

Na última semana, a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado Federal aprovou um projeto de lei que torna infração passível de multa a inclusão de pessoas, sem consulta, em grupos virtuais de redes como o Facebook e o WhatsApp, por exemplo.

De autoria da senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), a proposta pretende alterar o Marco Civil da Internet para “exigir o prévio consentimento do usuário nos processos de cadastramento e envio de convites para participação em redes e mídias sociais”.

Deixe seu comentário: